O que é Marketing Digital?

Somos a sua agência de marketing digital. Aumente as vendas online e alcance os seus objetivos de negócio.

O que é Marketing Digital?

O Marketing Digital é o termo que define um conjunto de ações que as empresas podem executar a fim de promover a sua marca através dos canais online e, assim, aumentar as vendas dos seus produtos e serviços e dando visibilidade à sua marca.

Mas como fazer corretamente marketing digital? Quais são os desafios que uma marca deve enfrentar quando decide ocupar os espaços virtuais? Respondemos e simplificamos o que parece complexo: o que é Marketing Digital, quais as vantagens, como elaborar uma estratégia e quais a ferramentas mais usadas.

Quais são as vantagens do Marketing Digital?

Dado o contexto atual, em que milhares de milhões de pessoas já utilizam a internet no seu quotidiano, recorrer à publicidade online é um modo eficaz e mais barato de chegar até ao seu público-alvo. Existem infinitas plataformas e diversas estratégias que poderá criar para chegar até à sua audiência e transformá-la em clientes.

Análise de Dados

A análise de dados pode ser resumida na seguinte frase: transformar números em informações. Ou seja, utilizar todos os dados obtidos de forma estratégica para impulsionar o crescimento da sua empresa. No marketing digital esta prática é mais fácil de ser executada do que na publicidade offline.

No entanto, seguindo um plano de marketing digital é possível obter e analisar todos esses dados – e muito mais! Pode rastrear o comportamento dos seus potenciais clientes, permitindo saber, as suas preferências, os seus comportamentos e como realizam a sua jornada de compra.

Gerar visibilidade de marca

Através de uma estratégia de conteúdo nas redes sociais, seja ela orgânica ou paga, pode interagir com os seus públicos,  o que lhe permite gerar valor e fidelizá-lo.

Sem falar que, através de estratégias de afiliados e de parcerias com influenciadores, pode aumentar o buzz positivo, o que a projeta ainda mais para os seus públicos de interesse e até para os grandes media.

Conquistar clientes

Ao lançar um novo produto ou serviço no mercado, a marca deve compreender que o mesmo deve servir de resposta aos problemas e dúvidas apresentados pelo seu público-alvo.

No entanto, uma marca que decida investir numa estratégia de marketing digital está um passo à frente das demais, uma vez que consegue impactar um público maior e de forma mais eficiente. Ao estruturar uma campanha (em Google Ads ou Facebook Ads, por exemplo), pode segmentar os seus públicos de interesse; esta é uma das grandes vantagens do marketing digital.

São muitas as estratégias de marketing digital que pode pôr em prática para conquistar novos públicos e a grande vantagem é que, através das KPIs, poderá mensurar a sua eficiência e modificá-los quando for conveniente para a sua empresa.

Melhor custo-benefício

Os preços dos anúncios nos canais de televisão, nas rádios ou em outros meios tradicionais frequentemente atingem valores muito mais altos do que a publicidade online. De facto, nas campanhas Google Ads do tipo pesquisa e display, por exemplo, as empresas pagam apenas alguns cêntimos por cada cliente que clica no anúncio.

Nos últimos anos pelo o facto de haver um aumento de empresas a anunciar, gera mais concorrência e pode aumentar os preços das campanhas.

Segmentação de públicos

As segmentações podem ser definidas, segundo as características e os comportamentos dos públicos delimitados. Por exemplo, ao elaborar a sua campanha pode definir a faixa etária, o sexo, o status de relacionamento, a localização, os interesses e muito mais outros traços que diferenciam os seus públicos. Jamais poderá conhecê-los por nome, foto ou mesmo aceder ao seu perfil, a menos que interajam com as publicações.

A grande vantagem da segmentação na publicidade online é poder responder com maior exatidão às dúvidas e às necessidades de cada um dos seus públicos. Desta forma aumenta a margem de segurança do investimento, pelo que tem mais hipóteses de conversão.

Como elaborar uma estratégia de Marketing Digital?

Para elaborar uma estratégia de marketing digital à medida do seu negócio, a mesma deverá adequar-se aos objetivos e às necessidades da sua organização. Uma solução digital que funcione para uma marca não irá resultar de forma igual para outras marcas.

Quer aumentar as vendas ou melhorar a reputação? Pretende estabelecer parcerias com outras empresas ou com influenciadores que tornarão o seu produto mais popular entre os clientes finais? Gostaria de interagir com o seu cliente através das redes sociais ou apenas apresentar-lhe o seu produto?

4 fases de uma estratégia digital

  1. Definir em quais meios tem de estar
  2. Definir um plano de ação
  3. Estabelecer prazos
  4. Avaliar os resultados

Ao criarmos e implementarmos estratégias online, levamos em conta as especificidades de cada cliente para criar um plano de marketing digital personalizado.

Tópicos de uma estratégia digital

  • Auditoria do atual ecossistema digital da marca,
  • Benchmark de concorrência,
  • Os seus objetivos e metas,
  • Definição de público-alvo,
  • Os seus concorrentes,
  • Elaboração do plano de marketing digital,
  • Requisitos para cumprir a estratégia,
  • Prazo de implementação,
  • Definição das ações a implementar.

Ao compreendermos os objetivos a alcançar, podemos definir as ações a implementar, bem como estabelecer prazos para a execução de cada uma delas.

 

Que ferramentas de Marketing Digital usar?

Após definidos a estratégia e açõs marketing digital, chega a hora de escolher as ferramentas que deverá utilizar. De seguida, listamos algumas das ferramentas mais utilizadas em cada uma das áreas do marketing digital e explicamos as suas vantagens.

Construção de sites

Atualmente, a ferramenta para desenvolvimento de sites mais utilizada no mercado é o WordPress, que permite criar websites com imensas funcionalidades. Dispõe de plugins gratuitos e pagos e dispõe de diversos templates, que lhe permitirão criar um site diferenciado das outras empresas.

Por outro lado, há algumas ferramentas para construção de sites que são intuitivas e permitem-lhe criar um site rapidamente, como o Wix e o Webnode. Para criação de projetos de e-commerce, os mais utilizados são o Prestashop (gratuito), o Shopify e o BigCommerce.

Ferramentas de SEO

O KWFinder e o Ubersuggest, permitem analisar o número de pesquisas mensais por uma certa keyword, o nível de competitividade de uma palavra e a sua facilidade em posicionar, tanto a nível pago como orgânico.

Já o Semrush é uma das ferramentas mais populares para analisar websites e blogs do ponto de vista de SEO, uma vez que permite encontrar oportunidades de link building, monitorizar a concorrência, emitir relatórios e inclui funcionalidades relativas a outras áreas do marketing digital.

O Google Analytics e algumas funcionalidades do Moz são gratuitos e permitem ver as métricas de um website, tanto a nível da autoridade do domínio, como das páginas.

Ferramentas de Marketing Digital: Otimização de conversão – CRO

O Google dispõe de algumas ferramentas gratuitas que podem contribuir para a otimização da conversão do seu website. O Google Optimize possibilita efetuar testes A/B que ajudarão a descobrir a versão da página que mais converte.

Algumas ferramentas de mapas de calor permitem descobrir as secções que despertam mais a atenção dos utilizadores, baseando-se no percurso dos seus ratos sobre o conteúdo do site. As ferramentas deste tipo mais conhecidas são o Clicktale e o Hotjar.

Ferramentas de marketing digital: Email marketing

O Mailchimp é uma das ferramentas de eleição das empresas que enviam newsletters para as suas  listas de contacto. Também permite realizar testes A/B para e-mail marketing, dispondo de mais de 100 templates e de bons relatórios de desempenho.

Outra ferramenta do tipo e totalmente nacional é o E-goi, que oferece um plano gratuito para até 5 mil contactos e permite criar além de newsletters, SMS para e-commerce, Web Push e muito mais.

Ferramentas Marketing Digital: Monitorização da concorrência

Além dos já mencionados KWFinder e do Semrush, também podemos considerar o Adplexity, em que poderá descobrir os anúncios que estão a decorrer em diferentes mercados, percebendo os que têm mais cliques e recebem mais tráfego. Assim pode encontrar a sua maneira de se diferenciar dos concorrentes.

Já o Buzzsumo permite mapear alguns conteúdos com melhor performance em tempo real e com um filtro geolocalizador, o que lhe permite perceber as forças e fraquezas do conteúdo da concorrência e prever o que poderá viralizar.

Ferramentas de redes sociais

Existem diversas ferramentas que ajudam em todas as etapas – desde escolher design das publicações, até a agendá-las e preparar relatórios para monitorizar a sua performance.

O Sprout Social permite agendar posts para diversas redes como o Facebook, o Linkedin, o Instagram e o Twitter, com pacotes cujos preços variam em função do número de perfis de redes que pretende incluir. Também através da plataforma pode elaborar relatórios de desempenho, que são mais legíveis do que os emitidos pelas próprias redes sociais.

O Swonkie, uma plataforma portuguesa, tem funcionalidades similares, mas também permite realizar atividades adicionais, como programar stories do Instagram, fazer pesquisas de influencers, monitorizar os perfis das redes sociais dos seus concorrentes, elaborar artigos de blog otimizados para SEO e muito mais.

Ainda para pesquisas de influencers e elaboração de campanhas com diversos influencers, algumas plataformas internacionais já se destacam das demais. É o caso da Indahash, que já tem grande presença no mercado dos Estados Unidos.

Ferramentas de Design para Marketing Digital

O design é uma disciplina que tem de estar presente nos diversos estágios da sua estratégia de marketing digital. Há, portanto, muitas ferramentas que ajudam tanto a criar conteúdo para os websites como para as redes sociais, de maneira rápida e sem grandes dificuldades.

Software de vídeo 

O vídeo é um dos formatos de conteúdo mais consumidos na internet, pelo que investir na produção de vídeos de qualidade é importantíssimo.

As ferramentas profissionais mais populares para a edição de vídeos são sobretudo o Adobe Premiere e o Final Cut. São ferramentas pagas e que requerem um nível de conhecimento aprofundado para as manusear.

Entre os softwares de edição de vídeo, alguns disponibilizam versões gratuitas e pagas e que recomendamos pela quantidade de efeitos e a interface intuitiva, que são sobretudo o Hitfilm Express e o Shotcut.

Software de edição de imagens

Há duas ferramentas da Adobe e que são de uso extremamente comum no quotidiano de uma agência de marketing digital. O  Adobe Photoshop e o Adobe Illustrator que, apesar de terem muitas características em comum, têm utilidades diferenciadas.

O Adobe Photoshop funciona melhor a nível do tratamento, da edição e da criação de imagens em bitmap. Já o Adobe Illustrator funciona através da criação vetorial, criando desenhos por curvas segundo equações matemáticas. Ou seja, não importa o quanto tenha de ampliar uma imagem no Adobe Illustrator, ela não perderá qualidade.